quarta-feira, 30 de setembro de 2015

TOC #43 da Weekly Shonen Sunday (2015)

TOC #43 DA WEEKLY SHONEN SUNDAY (2015)


Capa: Dagashi Kashi

Olá, pessoal do Fênix no Sekai. Aqui é o Diego Felipe e estarei fazendo mais uma análise de TOC da Weekly Shonen Sunday.

ATENÇÃO: A análise pode vir a incluir as páginas coloridas da edição após o vazamento das raws da mesma.

TOC #43 DA SHONEN SUNDAY (23/09/2015)
1. Major 2nd
2. Tokiwa Kitareri
3. Be Blues!
4. Meitantei Conan
5. Nanoha Yougashiten no Ii Shigoto
6. Kyoukai no Rinne
7. Magi 
8. Denpa Kyoushi
9. Psyche Matashitemo 
10. Tenshi no Act!!
11. Keijo!!!!!!!! 
12. And-Pair
13. Charactimes Golden
14. Lettuce 2-kobun no Suteki
15. Birdmen
16. Saezuri High School OK-Bu!
17. Ane Log
18. Heavens Runner Akira 
19. Tutti!
20. Oiishi Kamishama

Capas e Páginas Coloridas: Dagashi Kashi
Páginas Coloridas: Joujuu Senjin!! Mushibugyo, Kodomo no Kamisama (segundo one-shot da Shinsedai Sunday Grand Prix)
Não-ranqueado: Ad Astra Per Aspera
Ausentes: Area D, Hayate no Gotoku!, Sensou Gekijou, Zettai Karen Children e Arata Kangatari (em hiato)

Anúncio de lançamento dos novos volumes de Major 2nd, Kyoukai no Rinne e Joujuu Senjin!! Mushibugyo
Dessa vez não tivemos nenhuma gostosa garota famosa na capa, mas sim um mangá que tem um anúncio importante em destaque: Dagashi Kashi, que irá ganhar um anime em 2016. Maiores detalhes não foram informados ainda mas vão ser anunciados mais pra frente. Esse gag mangá sempre é bem ranqueado nas TOCs e parece estar provando que vai dar um passo à frente em sua estabilização na revista. Boa sorte ao mangá e aos responsáveis por adaptar o anime.

E apenas um mangá ganhou página colorida nessa edição: Joujuu Senjin!! Mushibugyo. A obra é uma espécie de recapitulação semanal de um mangá que era lançado na Shonen Sunday Super, mangá bimestral da Shogakukan (companhia editoral da revista Shonen Sunday). A obra já é publicada na Shonen Sunday desde 2011, já tem 19 volumes e já ganhou um anime de 26 episódios pelo estúdio Seven Arcs Pictures, um jogo pela Namco Bandai Games e dois OVAs (também pela Seven Arcs Pictures), lançados em julho de 2014 e janeiro de 2015. Pelo visto a obra segue bem na revista. Outro que ganhou página colorida foi o one-shot Kodomo no Kamisama (o segundo da Shinsedai Sunday Grand Prix), competição de one-shots novatos da revista.

Ad Astra Per Aspera, mangá novato do mesmo autor de Hayate no Gotoku!, ainda não é ranqueado e ainda não se sabe como está sendo sua recepção. E pelo visto o autor decidiu dar uma longa pausa em Hayate pra se concentrar em Ad Astra. Boa sorte ao autor pra que seu desdobramento em duas obras seja bem-sucedido.

Dentre os principais ausentes - além de Hayate no Gotoku! - estão:
- Area D: é publicado irregularmente, então sua ausência não é tão surpreendente. A obra é um mangá bem maduro pra revista e costuma atrair os leitores mais velhos;
- Sensou Gekijou: gag mangá de uma garota que tem seu coração dividido por um anjo e um demônio, a obra costuma não ser bem ranqueada;
- Zettai Karen Children: um dos mangás mais antigos da revista, provavelmente o autor precisou fazer uma pausa devido ao cansaço. O mangá está há muitos anos na revista e tem pouco mais que 400 capítulos;
- Arata Kangatari: mangá que é publicado na revista desde 2008 e que já chegou a ganhar um anime. Não há previsão de volta.

Resultado da enquete de popularidade de Zettai Karen Children (da edição passada)

Agora vamos aos mangás da TOC na íntegra:

1. Major 2nd: Um dos maiores sucessos da história da Shonen Sunday, Takuya Mitsuda voltou com a segunda parte da obra esse ano. E o resultado foi de grande êxito: os volumes vendem muito bem. E o autor não ficou parado entre 2010 (quando Major acabou) e 2015 (quando Major 2nd foi lançado). Ao contrário. Entre 2011 e 2014 lançou o mangá de boxe Buyuden, que não chegou a fazer um sucesso estrondoso mas conseguiu se firmar na revista durante sua publicação. É bem provável que Major 2nd venha a ganhar anime depois de ganhar

2. Tokiwa Kitareri: Dos novatos mais recentes da Shonen Sunday é o que mais parece promissor. O mangá de Syun Matsuena, mesmo autor de Shijou Saikyou no Deshi Kenichi, vendeu 80 mil cópias em seu primeiro volume e há expectativa de que a obra consiga melhorar mais suas vendas no segundo volume. Para todos os efeitos o mangá está sendo uma aposta certeira e pode render muito pra Sunday no futuro (principalmente após um anime).

3. Be Blues!: Uma das principais obras da revista, sem dúvida. É uma pena que nenhum scan gringa chegou a traduzir até agora. E também é uma pena que ainda não tenha ganhado anime (embora seja normal mangás de esporte da Sunday demorarem bastante pra ganhar uma adaptação). Nessa TOC o mangá saltou do décimo pro terceiro lugar, provando que tem bastante força com o grupo editorial.

4. Meitantei Conan: Após três primeiros lugares seguidos e oito edições seguindas no Top 3 após a volta do hiato, o principal mangá da Shonen Sunday pega um quarto lugar. O mangá está indo rumo ao feito de chegar ao milésimo capítulo. Ainda vai demorar um pouco pra alcançar esse feito (66 capítulos) mas a obra tem tudo pra chegar lá. E há boatos de que o autor, Gosho Aoyama, pretende encerrar o mangá em breve. Mas nada foi confirmado.

5. Nanoha Yougashiten no Ii Shigoto: Fechando o Top 5 está esse mangá ainda novato que melhorou sua posição com relação à edição passada. O mangá não tem do que reclamar: quase nunca foi ranqueado fora do Top 10, muitas vezes pinta entre os cinco melhores ranqueados. O grupo editorial põe muita fé na obra pelo visto, que pode render muito no futuro, assim como Dagashi Kashi.

6. Kyoukai no Rinne: Rumiko Takahashi strikes again! Depois de Urusei Yatsura, Maison Ikkoku, Ranma 1/2 e InuYasha (e alguns outros mangás de menor impacto) a autora, que está há poucos dias de completar 58 anos tem muito do que se orgulhar também com seu sucesso mais recente, que teve um anime bem-sucedido o bastante a ponto de ganhar uma segunda temporada. A obra também está a pouco de chegar ao capítulo 300, um feito impressionante.

7. Magi: A obra está prestes a entrar em seu arco final. Isso significa que a obra está cada vez mais perto do fim. As vendas dos volumes estão decaindo e a segunda temporada em anime não vendeu muito bem, então é provável que o anime não ganhe uma terceira temporada... o que não impede que o mangá ganhe certo destaque em fase de reta final.

8. Denpa Kyoushi: O mangá segue popular na line-up da revista após um anime com ótima audiência (e baixa qualidade). E uma segunda temporada do anime não está descartada. O mangá de certa forma ficou mais em destaque após o anime. Denpa constantemente fica no Top 10 (raramente ficando de fora).

9. Psyche Matashitemo: A obra é de autoria de Tsubasa Fukuchi, mesmo autor do bem-sucedido Ueki no Housoku. A obra é publicada irregularmente e recentemente chegou a ganhar um resumão (mais exatamente na edição #35). Pelo que pode-se entender a obra volta a ser ranqueada. O mangá não está em situação de risco, afinal tendo mais de um ano e menos de 40 capítulos, estar em nono lugar é uma posição de ótimo tamanho.

10. Tenshi no Act!!: Mais uma posição no Top 10 do mangá, que está firmando cada vez mais entre os 10 primeiros da revista. Na verdade não foram muitas as vezes o mangá ficou fora do Top 10 esse ano. Além disso já ficou em primeiro lugar nas TOCs cinco vezes desde sua estreia. Realmente o mangá está se firmando e pode render bastante para a Shonen Sunday no futuro após um anime.

Imagem do anúncio da Shinsedai Sunday Grand Prix (da edição passada)


11. Keijo!!!!!!!!!: Uma errata: ao contrário do que disse nas TOCs anteriores esse mangá não tem o ecchi como principal gênero. Apesar de ser um esporte bem curioso, a obra é um mangá de esporte mesmo. Que aliás continua firme nas TOCs da Shonen Sunday. Suas posições garantem que o mangá ainda está em situação tranquila (fora que a obra ganhou página colorida há duas edições atrás).

12. And-Pair: Mais uma vez esse novato pega uma posição no meio da tabela. Mas não se sabe se isso é realmente um sinal positivo ou se é apenas um começo razoável que vai ser sucedido por uma queda de desempenho significativa como aconteceu com Rion-san Meiwakudesu, que foi cancelado na edição passada, e está acontecendo com Tutti!. Mas assim como é cedo para previsões otimistas também está cedo para fortes preocupações. A curto prazo o mangá está seguro.

13. Charactimes Golden: Esse mangá é a continuação de Charactimes, mangá que foi "encerrado" há algumas edições atrás (na verdade, numa explicação mais simplória, a obra ganhou uma "segunda parte"). E parece que o mangá não vai deixar a peteca cair. O mangá parece estar em situação segura por ora, ainda mais por ser continuação de uma obra que teve sua primeira parte encerrada naturalmente.

14. Lettuce 2-kobun no Suteki: Parece que me enganei quanto a TOC passada. Lettuce, após ficar sete vezes seguidas entre os cinco piores, fica pela segunda vez seguida acima do grupo dos cinco últimos (o conhecido "bottom"). Isso ameniza um pouco mais os riscos do mangá ter uma queda maior de desempenho. Por ser um gag mangá não é de se esperar tanto que seja bem ranqueado. Mas ficar muitas vezes no bottom não estava sendo animador. Já ficar fora duas vezes seguidas foi uma vitória por ora.

15. Birdmen: A obra volta a ter um capítulo publicado após o capítulo anterior ter sido publicado na edição #39 da Shonen Sunday. Esse mangá é publicado mensalmente, um privilégio que o autor deve receber dos editores. Por esse possível respaldo o mangá está seguro na revista, não correndo riscos de cancelamento. Mas o próximo capítulo só vai sair em pelo menos daqui a quatro edições.

16. Saezuri High School OK-Bu!: Depois de um último lugar (ficou à frente apenas de Oiishi Kamishama na edição passada) Ok-Bu! ficou acima do veterano Ane Log. Pode ser um sinal um pouco mais otimista pra obra, mas ainda assim parece que continua correndo sérios riscos dependendo das decisões da equipe editorial.

17. Ane Log: Ane Log é um gag mangá com muitos capítulos na revista e está pra ganhar OVAs. Essa posição pode ter sido baixa mas o mangá está firme na revista e ainda tem fôlego na revista, embora dificilmente vai melhorar seu rendimento, pois fica constantemente na metade de baixo da tabela.

18. Heavens Runner Akira: Essa posição foi ruim pro mangá, que está começando a ter uma queda de desempenho e popularidade. O mangá não ficou no bottom desde o início do ano e agora está na segunda vez seguida. E costumava ficar no Top 10 mas agora está tendo dificuldades de ficar por lá. Akira vai precisar reverter a situação o quanto antes.

19. Tutti!: Se na edição passada o mangá pegou uma posição que comprovava que não estava seguro, esse último lugar escancara que o mangá pode estar fracassando na revista (não vale a pena considerar Oiishi Kamishama, que é propositalmente ranqueado em último nas TOCs da revista). Essa queda de rendimento é comum em novatos que não dão certo: começam relativamente bem ranqueados e depois vão caindo até chegarem a um desempenho de cancelamento. E a não ser que Tutti consiga melhorar nas TOCs o fim da obra não será diferente.

20. Oiishi Kamishama: Esse gag mangá (haja gag mangá na Shonen Sunday) é o escolhido pra fechar as edições da revista. A obra é feita por Tohru Fujisawa, mesmo autor de Shonan Junai Gumi! e GTO para quem não sabe. O privilégio da obra é tamanho que todos os seus capítulos são inteiramente coloridos. Às vezes o autor faz pausas nas publicações mas nada que ameaçe a estabilidade da obra na revista.

Bem, esse é o fim da minha análise da Shonen Sunday. Bem, até depois. E fiquem no aguardo pelo vazamento das páginas coloridas.

0 comentários:

Publicar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...